Por que fazer valuation de empresas é importante? Entenda!
Gestão Financeira

Por que fazer valuation de empresas é importante? Entenda!

Escrito por BCN Treinamentos

Ter o domínio das informações sobre uma empresa é essencial para um gestor financeiro. Ele precisa ter controle não só dos fluxos de recursos, mas também de indicadores como metas de produtividade, situação atual do setor no mercado e também o valuation de empresas.

Este último tem uma extrema importância, mesmo que  não seja uma informação solicitada ativamente no dia a dia do setor. Continue lendo e veja o que é o valuation e compreenda porque é imprescindível ter domínio sobre essa informação para a gestão financeira da organização.

O que é o valuation de empresas?

O valuation de empresas é um cálculo que visa a avaliar o valor estimado da empresa. Esse método não é feito por meio de achismo ou intuição, de forma que há uma série de metodologias a serem aplicadas para tornar essa estimativa mais precisa. Ele considera o valor atual dos ativos e intangíveis da organização.

Por que realizar este processo é importante?

Um bom gestor financeiro tem domínio sobre os mais diversos pontos da organização. Isto porque, quanto mais souber acerca da real situação da empresa, indo além das métricas mais populares, melhor ele conseguirá tomar decisões estratégicas que poderão impulsionar vendas e, consequentemente, o próprio valor da empresa no mercado.

Por isso o cálculo de valuation é essencial para esse setor. Mas há também situações específicas que demandam essa informação. Caso ela não seja conhecida, pode-se gerar atrasos em processos ou, então, prejuízos e perdas de oportunidades importantes.

Confira quais são as principais situações em que é essencial já ter os dados deste cálculo em mãos.

Saber o valor da empresa em uma ação de compra e venda ou fusão

O mercado de fusões e compra e venda de empresas está cada vez mais em alta, tanto no Brasil quanto internacionalmente. Diversas organizações entendem que este procedimento pode ser uma boa oportunidade de crescimento, podendo, com isso:

  • gerar vantagem competitiva;
  • ampliar área de atuação;
  • ter mais recursos e infraestrutura para desenvolvimento de inovações;
  • conquistar uma maior parcela do mercado;
  • ter mais estrutura para as rotinas organizacionais;
  • permite estratégias mais ousadas de atuação.

Porém, para que se possa negociar os termos do processo de compra e venda ou da fusão, é necessário ter consciência do valor real da empresa. Caso contrário, a venda para uma empresa maior poderá, por exemplo, ser feita bem abaixo do valor real e, assim, ocorrerem prejuízos no processo.

Além disso, caso a organização proponha a fusão, para potencializar as chances de negociação, é essencial apresentar os dados de forma precisa, clara e bem estruturada. Ou então os responsáveis pela organização que está sendo sondada podem recusar uma boa proposta, por não terem acesso a dados essenciais para o processo.

Definir valores para os membros da sociedade

Se o negócio funciona em modelo de sociedade, ter o valuation estimado atualizado é essencial. Deve-se ter transparência com todos os envolvidos para que, caso seja do interesse de algum deles romper com a sociedade, se tenha conhecimento do valor real a ser pago a cada um dos sócios.

Uma política de transparência também é essencial para manter a sinergia entre a equipe de sócios, já que qualquer conflito nessa área poderá impactar decisões futuras.

Dominar informações relevantes para investidores

Para a realização de determinadas ações, muitas vezes, torna-se necessário buscar investidores que apoiarão o projeto – seja por meio de financiamento via bancos ou com outras empresas que possam ter interesse no que está sendo elaborado.

Porém, nenhuma empresa quer aplicar capital em uma organização que não tenha uma boa estrutura, que apresente solidez e potencial de crescimento por meio da estratégia apresentada. Afinal, o objetivo é que ocorra retorno real, não é mesmo?

Para convencer os responsáveis de que é seguro realizar o investimento no projeto, entre os diversos dados que devem ser apresentados, é essencial que o valuation esteja entre eles.

Uma forma de complementação é apresentar a valorização da empresa nos últimos anos, de forma a evidenciar o seu crescimento no mercado, bem como a maturidade do negócio ao longo dos anos, deixando claro que ela está pronta para realizar o procedimento para o qual está em busca de recursos.

Assim, investidores terão maior segurança e se sentirão mais propensos a empregar recursos na sua empresa.

Ter informações precisas para abertura de capital

Quando uma organização decide abrir o seu capital, é essencial ter domínio do seu valor real, definindo o valor das ações com base nessa informação.

Ele é um dos principais fatores para a definição do valor de IOP (Initial Public Offering, ou Oferta Pública Inicial). Além disso, para que a venda das ações seja efetiva, é importante que seja informado o valor real, já que os futuros compradores se tornam sócios da empresa.

Compreender o mercado e ter uma avaliação do resultado operacional mais precisa

Mesmo que não haja previsão de nenhuma das situações anteriores nos próximos meses, ainda assim é de suma importância ter as informações de valuation disponíveis e atualizadas. Esse é um dado estratégico para tomadas de decisões por parte do setor financeiro, principalmente ações com consequências a longo prazo.

Por meio dele, é possível ter uma noção real do crescimento da organização nos últimos anos, a fim de verificar se, por exemplo, é possível potencializar esses ganhos, ter uma orientação mais precisa da atual situação do mercado, analisar se as estratégias definidas anteriormente estão sendo bem-sucedidas.

Outro ponto importante é que, por meio do cálculo de valuation, pode-se verificar também o impairment dos ativos da empresa e, em alguns casos, apontar a necessidade de atualizações ou trocas (por exemplo, quando a frota da empresa sofre grande desvalorização, pode ser o momento de realizar a troca dos veículos).

Por que é importante ter conhecimentos específicos para realizar o valuation?

Como pode-se perceber, o valuation tem uma função bem estratégica na organização. E, por isso, seu cálculo deve ser feito de forma precisa, a fim de evitar erros que possam prejudicar ações, futuros investimentos e gerar prejuízos a curto e longo prazo.

Assim, o gestor financeiro e sua equipe devem ter domínio sobre as estratégias de cálculo dessa métrica. E isso é possível por meio da atualização do seu conhecimento sobre o valuation de empresas. Além, é claro, de melhorar o currículo dos envolvidos.

Então, conheça o curso de Valuation, tire suas dúvidas sobre o assunto, se atualize e aplique estes conhecimentos na sua rotina de trabalho.

Sobre o autor

BCN Treinamentos

Deixar comentário.

Share This