Saiba mais sobre o Controle Orçamentário
Gestão Financeira

Saiba mais sobre o Controle Orçamentário

A Gestão Orçamentária, que estuda como planejar e monitorar sistematicamente os resultados financeiros de uma empresa, é na verdade um conjunto de atividades interligadas que se organizam em quatro etapas: Planejamento Orçamentário, Simulações de Cenários, Acompanhamento ou Controle Orçamentário e Revisões Orçamentárias.

Já falamos aqui no blog sobre o Planejamento Orçamentário e hoje, neste nosso novo artigo, vamos falar de uma outra etapa importantíssima do processo: o Controle Orçamentário

Acompanhe e entenda mais sobre o assunto.

O que é o Controle Orçamentário

No dia a dia, é prudente que você controle todos os seus gastos e também recebimentos em uma planilha: o salário, a conta de luz, o celular, a escola das crianças e até mesmo aquele trocado que você usou para tomar um cafezinho. E esse ato de registrar tudo  serve para que tenhamos, ao final do mês, a certeza de onde e como foi gasto todo o nosso dinheiro.

Com uma empresa não é diferente. Ela também precisa desse controle e cuidado para que os gestores possam verificar se os recursos financeiros realmente estão sendo utilizados da melhor forma possível, ou seja, elas precisam de um processo de Controle Orçamentário. 

Muito se fala sobre as vantagens de um eficiente Planejamento Orçamentário, tais como melhoria dos processos de gestão e aumento do lucro líquido da empresa. Mas não basta apenas planejar, é preciso que tudo isso aconteça na prática. Um erro muito grave e comum na Gestão Orçamentária é elaborar o planejamento, guardá-lo na gaveta e não pensar em um processo de Controle Orçamentário.

Com o planejamento pronto e aprovado, a equipe financeira deve fazer o acompanhamento mensal, comparando o que foi previsto com o que realmente está sendo realizado, sempre de acordo com as responsabilidades atribuídas e compromissos com os resultados assumidos na fase de elaboração do orçamento. Só assim todo o trabalho realizado na etapa do planejamento fará sentido e trará resultado. 

No mais, o grande segredo para o sucesso do Controle Orçamentário é o trabalho realizado de forma colaborativa por todos da equipe, buscando a melhoria contínua dos resultados financeiros da empresa, corrigindo e redirecionando as ações com foco em assegurar que todas as metas e objetivos definidos no planejamento sejam alcançados. 

Controle Orçamentário: Planejado X Realizado

Você já sabe que o Controle Orçamentário nada mais é do que acompanhar o equilíbrio entre o que foi planejado e o que está sendo realizado. Mas agora deve estar se perguntando como fazer isso, não é mesmo?

Pois bem, fazer essa comparação não é nada complicado. Basta inserir uma coluna ao lado dos valores orçados e preencher com os valores realizados, usando sempre os mesmos parâmetros e os mesmos níveis de detalhamento. Depois disso é só fazer contas simples para chegar nas variações absolutas e percentuais.

Tabela-planejado-realizadocomparacao-mensal

Mas cuidado, não adianta elaborar um planejamento extremamente detalhado das estruturas de vendas, custos e despesas, se a sua empresa não tem capacidade técnica para processar todo esse volume de dados ao longo de suas atividades do dia a dia. Caso isso aconteça, será difícil realizar a comparação dos resultados, pois as bases de análise terão detalhamentos diferentes.

Controle Orçamentário: Realizado X Histórico

É interessante também, em alguns casos, comparar o desempenho da empresa não apenas com o que foi planejado, mas também com os resultados obtidos no mesmo período de anos anteriores. Afinal, os gestores financeiros precisam ter certeza que a empresa está crescendo de um ano para outro e só com essa comparação que é possível conferir esse fato.  

Veja um exemplo desse tipo de controle: 

Tabela-planejado-realizadocomparacao-anual

Como você pôde perceber, o Controle Orçamentário não é nada complexo ou trabalhoso. É preciso apenas ter disciplina para que todos os dados financeiros sejam registrados corretamente, da mesma forma que você registra o quanto gastou no almoço do final de semana em sua planilha pessoal.

Conclusão

O Planejamento Orçamentário é de grande importância para a Gestão Orçamentária, porém, as coisas nem sempre saem conforme o previsto. Desvios, sejam positivos ou negativos, sempre irão ocorrer. O problema é quando estes desvios começam a se tornar recorrentes e têm uma grande influência sobre os resultados, o que é facilmente percebido quando se tem um Controle Orçamentário eficaz. 

Assim, por conta da importância do assunto, não se pode descuidar quando o assunto é Controle Orçamentário e o profissional deve sempre se manter atualizado, seja através de leituras ou seja por meio de cursos como o nosso Curso de Gestão Estratégica de Custos e Orçamento.

Neste curso você será apresentado aos conceitos fundamentais para desenvolver um plano orçamentário, as responsabilidades e os modelos mais adequados para a condução do seu processo de estruturação, elaboração e controle.

Ele é indicado para controllers, contadores, gerentes e diretores financeiros, bem como  para outros profissionais das áreas de contabilidade e finanças ligados aos setores de orçamento, custos, contabilidade, finanças e controladoria.

Para se manter sempre informado e atualizado assine a nossa newsletter

Sobre o autor

Carolina Ferreira Aleixo

Deixar comentário.

Share This